Os artigos sobre este tema são mais que muitos nesta altura, mas creio que nenhum (ou muito poucos) nos transmitem o que significa exactamente os índices de proteção solar (15; 20; 30; etc). Pelo menos eu, depois de ter visto esta informação, fiquei muito surpreendida com o que li e muito grata.

Quando usar proteção solar?

“Theres always the sun”. 

O sol é omnipresente e por esse motivo, “sempre” é a única resposta correcta para esta pergunta. Sempre que saímos de casa, depois de aplicarmos o nosso creme diário, devemos colocar um protetor solar (no corpo mas principalmente no rosto cuja exposição é maior, pois não está coberto).

Os raios UVA/ UVB são os maiores responsáveis pelo aparecimento precoce dos sinais de envelhecimento – rugas; manchas; imperfeições; etc. – mas também o grande responsável pelo cancro da pele. Mas têm vantagens quando usados devidamente: estimula a formação de vitamina D, que é responsável pela fixação de cálcio nos ossos.

Somos constantemente bombardeados com notícias sobre a proteção solar mas chego à conclusão que não sabemos utilizar os protetores solares que vão nas nossas bolsas de férias connosco.

Como escolher o FPS ideal?

É aqui que entra a novidade. Nos últimos anos o meu ritual era: nos primeiros dias de sol utilizava protector FPS 50 (rosto e corpo) e depois de ter ganho alguma cor, passava a utilizar o protector FPS 30 e  às vezes, quando o FPS 30 terminava, utilizava um FPS 20 (sendo que no rosto coloco no mín FPS 30 e uso obrigatoriamente chapéu de abas grandes – não tolero sol direto no rosto).

E se eu vos disser que o protetor  FPS 50 não protege mais que o FPS 20?

Depois de ler um artigo numa revista e também ter comprovado com outra fonte no google, descobri que o FSP é um índice que determina o tempo de exposição aos raios solares com a pele devidamente protegida, sem que ocorra a vermelhidão gerada pela dilatação dos vasos sanguíneos.

Vamos imaginar que a capacidade que a minha pele tem de estar exposta ao sol sem ficar vermelha é de 5 minutos… então, se eu usar o meu protetor FPS 30, ela irá estar protegida por 150minutos – tempo de proteção da pele até eu ter de reaplicar o protetor.

De ressaltar que a capacidade que uma pele clara tem de estar ao sol sem ficar vermelha, não é a mesma que tem uma pele morena, como é obvio! Neste caso, quanto mais morena for a pele maior é o tempo de exposição ao sol sem alcançar as vermelhidões.

Conclusão, podemos usar o protetor 20 ou 50, desde que seja reaplicado no timing adequado ao FPS e à tonalidade da pele.

5 Regras básicas para Proteção Solar:

  1. Usar proteção todos os dias (independentemente do sol estar visível ou não);
  2. Colocar protetor 30 min antes da exposição ao sol;
  3. Usar um protetor à prova de água (caso não o seja, sempre que forem à água terão de reaplicar);
  4. Reaplicar protetor tantas vezes quanto aquelas que o teu tom de pele e FPS indicam que são necessárias.
  5. Evitar exposição solar directa entre as 12h-16h.

Espero que tenham gostado do post e que a partir de agora cuidem melhor da vossa pele. Eu cá já comecei a aplicar os conhecimentos adquiridos.

Diva 💋Com defeitos e tudo.

Write A Comment